Transforme uma sala pequena em um espaço iluminado

01 Outubro, 2020
As salas pequenas não precisam ser espaços herméticos; podemos procurar alternativas decorativas que nos ajudem a projetar mais luz no seu interior.

Os cômodos de tamanho reduzido não precisam ser relegados a um plano secundário. Embora eles não exibam tanta iluminação quanto os outros, podem ter uma funcionalidade semelhante à dos cômodos principais; por isso, mostraremos ideias para transformar uma sala pequena em um espaço iluminado.

Para atingir esse objetivo, é essencial que você saiba quais são as chaves para iluminar os interiores, pois muitas vezes não é fácil saber quais são os componentes de que um cômodo precisa para proporcionar o conforto necessário para que você se sinta confortável.

Você não deve deixar um cômodo em segundo plano ou subestimar as possibilidades que ele possa ter, sob nenhuma circunstância. Na verdade, todos os espaços da casa podem ter uma utilidade, basta explorar todas as suas qualidades.

Sala de um apartamento urbano

Transforme uma sala pequena em um espaço iluminado

As casas nas cidades são lugares nos quais a luz natural não chega continuamente. Ao contrário das casas de campo, os edifícios geralmente se concentram próximos uns dos outros, escondendo o sol e causando sombras durante a maior parte do dia.

Isso pode ser benéfico durante as épocas de calor, mas também é fato que, durante as estações mais frias, é necessário ter mais iluminação. Assim, surge a necessidade de intervir e aproveitar ao máximo as salas pequenas dos apartamentos.

Nesse caso, não devemos filtrar a luz das janelas excessivamente; por isso, é recomendável utilizar cortinas finas e translúcidas. Ao mesmo tempo, tente aplicar o branco à maioria dos elementos decorativos e, acima de tudo, use tons claros nas paredes.

É necessário rejeitar as cores mais escuras para não gerar muita penumbra nos interiores, uma vez que eles geralmente não têm muitas horas de luz.

É interessante realçar os interiores com tons claros para favorecer a projeção da luz natural.

4 chaves para melhorar a iluminação da sala

Transforme uma sala pequena em um espaço iluminado

Para melhorar a iluminação em uma sala pequena, é preciso saber quais são as chaves necessárias para estabelecer uma relação entre todo o conjunto decorativoDeixar de lado os recursos que, na verdade, não contribuem com nada é algo que ajudará a melhorar a habitabilidade.

  1. Você deve avaliar o tamanho dos móveisSe forem grandes demais, você estará gerando um confronto de formas e recursos que ocupam muito espaço e, como consequência, geram mais sombra.
  2. A disposição dos pontos de luz na sala é essencial. Nenhum canto deve ficar sem iluminação, mas também não se trata de saturar; por isso, seria apropriado usar uma luz central e, ao mesmo tempo, um par de abajures localizados em outros pontos.
  3. É importante abrir as persianas e aproveitar as horas do dia com mais luz para obter uma iluminação muito mais abundante. Se as persianas ficarem fechadas ou se forem usadas cortinas muito grossas, a sala se transformará em um espaço hermético.
  4. A diafaneidade interna é algo essencial; desta forma, você favorecerá a passagem da luz e proporcionará uma certa espacialidade entre os móveis para transitar sem obstáculos.

Janelas grandes para melhorar a iluminação

Janelas grandes

Sem dúvida, a luz natural desempenha um papel muito importante nos interiores; portanto, uma sala pequena exige janelas grandes que permitam o acesso da luz durante mais horas ao longo do dia.

É possível que as paredes não sejam muito grandes, portanto, você deve encontrar um equilíbrio entre uma janela grande inserida em uma parede de proporções reduzidas.

As cores em uma sala pequena e iluminada

Decoração em cores claras

Para melhorar a iluminação interna, precisamos trabalhar com as cores. Dependendo da sua aparência e do local em que forem aplicadas, haverá diferentes resultados.

A cor preta deve ser evitada desde o primeiro momento, basicamente porque ela produzirá mais sombra. Além disso, cromaticamente falando, ela não acompanha o restante dos recursos mais claros.

Tons neutros, como cinza ou tons terrosos, podem ser úteis, desde que não sejam muito escuros. É necessário procurar um tom mais intermediário ou que, pelo menos, vá em direção a uma claridade mais pronunciada.

As cores que podem contribuir positivamente em interiores pequenos são o branco, azul-celeste, salmão, laranja e outras cores quentes que se complementam adequadamente com a luz.

 

  • Sudjic, Deyan: La luz y el color en la decoración, Folio, 1992.