Você gosta de orquídeas? Aprenda a cuidar delas

As orquídeas fascinam a todos com o seu exotismo, a sua beleza e as suas formas tão decorativas. Por isso, descubra como você pode apreciá-las em casa.

Última atualização: 31 Janeiro, 2021

Tanto se você for um amante das plantas quanto alguém que deixa até mesmo cactos morrerem, você certamente gosta de orquídeas, não é mesmo? O problema é que existe a crença de que elas são muito delicadas e, embora isso seja parcialmente verdadeiro, o fato é que muitas vezes o problema está em não saber cuidar delas adequadamente.

Por essa razão e para que você possa desfrutar da sua beleza em casa, a seguir, você encontrará um guia básico para aprender a diferenciar o tipo de flor que ela é, o ambiente de que necessita e como fazê-la brilhar com todo o seu esplendor. Pegue o seu equipamento de jardinagem porque é necessário um pouco de contato com a natureza.

Os diferentes tipos de orquídeas

Para cuidar bem dessa flor, é preciso saber a que gênero ela pertence, pois cada tipo precisa de cuidados específicos. Embora existam muitos tipos diferentes, é importante conhecer pelo menos alguns dos mais comuns para que você possa diferenciá-los facilmente.

As cymbidiums 

A orquídea cymbidium é uma das mais apreciadas por causa da sua forma, cor e aroma. É nativa dos climas equatoriais da Austrália, África e Ásia. Uma das suas peculiaridades é que, no seu estado natural, ela pode crescer como planta terrestre, algo pouco comum entre as plantas desta espécie. A sua folhagem é perene, o que a torna muito valorizada.

As dendrobium 

Esta espécie é muito popular graças às suas flores brancas. Elas aparecem de duas maneiras diferentes: em algumas, as flores se distribuem ao longo do caule, enquanto em outras um pequeno bastão floral cresce no topo do caule, de onde nascem as flores. Geralmente são brancas, rosas, roxas e amarelas.

As orquídeas phalaenopsis 

É a mais comum, pode ser vista em qualquer viveiro de plantas e geralmente é dada de presente em ocasiões especiais. Sua flor tem um lindo formato de borboleta e há combinações de cores feitas a partir de diversos cruzamentos. As folhas da planta são grandes, carnudas, de cor verde intensa.

As vandas

Sem dúvida, uma das orquídeas mais curiosas. No seu habitat natural, geralmente alcançam um grande tamanho e se alimentam da umidade e dos nutrientes dissolvidos que chegam às suas raízes aéreas. A maioria delas é epífita (vivem sobre outras plantas ou árvores que usam como suporte), embora também existam algumas que crescem em rochas.

Agora que você já conhece algumas espécies, apresentaremos algumas generalidades para que você possa cuidar das suas orquídeas e mantê-las bonitas e saudáveis.

Onde colocar as orquídeas

  • As orquídeas precisam de muita luz, mas, salvo algumas exceções, nunca devem receber luz solar direta. Assim, recomendamos que sejam colocadas perto de janelas, varandas ou terraços internos onde não possam ser tocadas pelos raios solares.
  • Evite correntes de ar, embora seja importante que haja uma boa renovação do ambiente.
  • Cuidado com ambientes excessivamente secos e, principalmente, com o aquecimento durante o inverno. Mantenha-as afastadas de aquecedores e fontes de calor.
  • A umidade deve estar entre 35 e 40%. Em interiores, uma maneira de conservar o grau de umidade é colocá-las ao lado de outras plantas. Além disso, também é muito eficaz colocar alguns pratos na base com bolas de gelatina ou argila, mas sem que cheguem a tocar as raízes.

Como regar as orquídeas

  • O mais recomendável é usar água potável com baixa mineralização. Se você mora em áreas de água calcárea, é melhor usar água engarrafada ou tratada por osmose.
  • Em relação à frequência, é preciso deixar um tempo entre cada rega para que o substrato seque. Um truque é verificar a cor das raízesSe estiverem brancas, isso indica que há falta de água; se estiverem verdes, significa que há umidade suficiente.
  • Outro ponto a evitar é o encharcamento de água no substrato ou na base das folhas. Por isso, é importante que elas tenham uma boa drenagem; caso contrário, podem acabar apodrecendo por causa da proliferação de bactérias e fungos.
  • Aconselha-se a rega por imersão.
  • É muito bom fazer vaporizações de água, especialmente durante épocas de baixa umidade.

Se você gosta de orquídeas, aproveite-as: elas são uma excelente forma de decorar os seus espaços. Porém, antes de comprar essas plantas, é importante que você aprenda a cuidar delas para que possam crescer de forma saudável.

Você verá como ficam bem na sua sala, no hall de entrada ou no lindo terraço que você tem. Elas também são ideais para adicionar um pouco de cor e calor aos ambientes de trabalho.

Pode interessar a você...
Mi DecoraciónLeerlo en Mi Decoración
Combinações de flores e plantas para enriquecer a decoração

Os interiores devem ser nutridos com cores e frescor. As combinações de flores e plantas podem enriquecer a decoração da casa.