Cactos: preparados para a adversidade

Sem água, com quase nenhum nutriente, com a expectativa de predadores e com temperaturas que variam do dia para a noite, os cactos tiveram que adaptar a sua morfologia para sobreviver, e isso tem o seu mérito.
Cactos: preparados para a adversidade

Última atualização: 28 Janeiro, 2021

Certamente você já ouviu muitas vezes que a aparência dos cactos não é bonita. Existem até mesmo pessoas que acham que eles têm uma aparência agressiva, mas isso não poderia estar mais longe da realidade. Depois de ler este post, você acabará sucumbindo à sua beleza selvagem.

Os cactos são nativos das áreas desérticas do continente americano, sendo o gênero mais amplo e variado do grupo das plantas suculentas. Eles são caracterizados pelos espinhos afiados que fazem parte da sua defesa peculiar contra os herbívoros famintos com os quais eles compartilham o seu habitat.

Eles pertencem à família das cactáceas, compreendendo no total mais de 10.000 cactos, com tamanhos para todos os gostos. Se forem bem selecionados, eles formarão uma coleção magnífica que você pode ter no jardim da sua casa.

Métodos de defesa

Cactos

Na maioria deles, as folhas são reduzidas até desaparecerem, enquanto apresentam modificações epidérmicas na forma de espinhos para se defenderem dos predadores.

Os cactos também são caracterizados por terem uma haste suculenta cerosa de formas variadas. Dependendo da espécie, eles geralmente têm costelas verticais que se expandem ou se contraem, de acordo com a quantidade de água armazenada no caule.

As substâncias tóxicas que muitas dessas plantas liberam ao serem cortadas também fazem parte da sua defesa contra os inimigos em locais onde a luta pela sobrevivência está na ordem do dia.

Muitos outros usos

Cactos

Além de despertar enorme interesse no mundo da jardinagem, os cactos também são amplamente utilizados como alimento, principalmente os frutos de algumas espécies, como a figueira-da-índia, mas também as sementes de outras que são torradas e comidas.

Eles são usados ​​para alimentar o gado em áreas muito áridas, bem como no chão para delimitar a área de descanso dos animais. Eles também são usados ​​pelas suas propriedades curativas e alucinógenas, sendo o peiote um exemplo disso.

Uma finalidade dos cactos, que você certamente não conhecia, é o fato de que eles são usados ​​para fixar o solo e impedir a erosão em áreas de chuva torrencial.

Os cactos e suas formas

Dentro do grupo de cactos, é possível encontrar uma grande variedade de formas, tamanhos e volumes. A aparência do caule nos leva a falar sobre uma possível classificação dos cactos de acordo com a sua aparência.

No entanto, além disso, distintas formas de espinhos e aréolas também se distinguem nos cactos; na verdade, eles são órgãos que dão origem a folhas, brotos, flores, pelos e espinhos. Listaremos algumas de suas formas mais características:

Cactos colunares

Cactos

Nas hastes dos cactos colunares, é possível apreciar especialmente as costelas longitudinais por todo o corpo.  O seu número e relevo variam de acordo com a espécie.

Este grupo inclui o popular cereus, cujo nome vem da sua aparência em forma de círio. Alguns têm uma aparência sedosa, porém afiada, e outros são cobertos de espinhos peludos que, com o tempo, assumem a forma de um candelabro.

Cactos globulares

Globulares

São arredondados, de diferentes diâmetros, e a haste pode ser lisa, listrada ou cheia de protuberâncias. Eles são completamente cheios de espinhos e têm flores que aparecem na parte superior da esfera, exceto nos cactos menores, onde elas aparecem em todos os lugares.

O peiote, a língua do diabo e o conhecido assento ou cadeira de sogra são os cactos mais característicos desse grupo. Sem dúvida, tenha cuidado com o local onde vai colocá-los para não se surpreender com um espinho.

Cactos achatados

Cactos

Pertence a este grupo a conhecida figueira-da-índia, também chamada de tuna ou palma. Eles têm hastes ovais e achatadas, semelhantes a uma pá, que recebem o nome de cladódios.

Nas áreas áridas da África e da América, essas pás, que contêm água, proteínas e carboidratos, são o único alimento para o gado ruminante durante a época da seca.   

Cactos candelabro

Espécie candelabro

Eles crescem ramificados, especialmente na parte superior, e têm a aparência de um candelabro com várias colunas que se apoiam em um único pé.

Browningia candelaris Carnegiea gigantea estão entre os maiores do mundo, atingindo entre 5 e 20 metros de altura, devido à sua longevidade. Cabe destacar que eles crescem muito lentamente, cerca de 30 centímetros a cada dez anos.

Finalmente, você já sabe: vale a pena tê-los na sua casa ou no seu jardim, porque você terá a vantagem de que eles não precisam de cuidados excessivos.

Pode interessar a você...
Decorar com cactos: você vai amar essas ideias!
Decor TipsLeia em Decor Tips
Decorar com cactos: você vai amar essas ideias!

Decorar com cactos é uma escolha segura. Anime-se para decorar com cactos e encontre inspiração nas ideias que mostraremos a seguir.