8 plantas de interiores que você precisa conhecer

13 Dezembro, 2019
Estas são algumas sugestões para decorar a sua casa com plantas.

Não é necessário ter um terraço ou jardim para desfrutar de suas plantas. Há muitas variedades de plantas de interiores para colocar em sua casa, algumas delas também precisam de poucos cuidados. Dessa forma, a sua vida agitada ou a sua falta de tempo não serão mais desculpas válidas.

Sim, devemos controlar o espaço do qual dispomos, para comprar plantas de interiores que se adequem ao ambiente, pois cada uma requer um espaço ou amplitude específica.

Se a sua casa tem espaço de sobra, você poderá fazer um pequeno jardim. Outra opção é aproveitar o espaço sob as escadas para colocar as suas plantas.

Vantagens de ter plantas em casa

Estas são algumas das principais vantagens de incluir plantas de interiores no ambiente:

  • Aumentam o oxigênio do espaço interno, absorvendo o dióxido de carbono. Este processo é conhecido como fotossíntese. Lembre-se de que esse processo se inverte à noite. Assim, melhora a qualidade do ar dentro da casa.
  • Umidificam o ar. Como resultado, contribuem para que tenhamos uma pele mais hidratada e as vias aéreas mais desimpedidas.
  • Trazem uma sensação de vitalidade.

As flores parecem destinadas a ser o consolo da humanidade comum.

– John Ruskin –

  • O seu cultivo e cuidado reduz o estresse, ou seja, são propícias para um ambiente relaxante.
  • Algumas plantas, como os cactos, absorvem radiação.
  • Eletromagnéticas: ajudam a evitar os efeitos colaterais dessas ondas, como alterações no sono, aumento da irritabilidade ou dores de cabeça.
  • Contribuem para decorar os interiores, dando um toque original e colorido.
  • Aromatizam o ambiente, podendo substituir as velas aromáticas, o incenso…

Características e cuidados de algumas plantas de interiores

A seguir, apresentaremos alguns exemplos para que as suas plantas brilhem em todo seu esplendor. Não podemos esquecer que as plantas aguentam melhor a falta de água do que o excesso. Ainda assim, você verá que o seu cuidado não é muito complicado.

  • Ficus

É uma das plantas de interiores mais difundidas. Encontramos centenas de variedades dessa mesma espécie.

Se adaptam facilmente a ambientes com altas temperaturas, além disso, não precisam de muita rega: duas vezes por semana é o suficiente.

Plantas para exteriores

  • Pothos

É uma planta muito resistente que precisa de muita luz, mas nunca diretamente, devemos atenuá-la através das cortinas.

Uma dica: deixe a camada superficial do solo secar entre cada rega.

  • Bonsai

Nem todos são aptos para viver em ambientes fechados. São pequenas árvores e arbustos tratados para manter sempre o mesmo tamanho.

Devido ao seu estilo inalterável, é difícil saber a sua idade.

O ideal para um bonsai seria um ambiente em que haja muita luz natural e nenhuma corrente de ar. Você poderá transplantá-lo aproximadamente a cada dois anos.

  • Cactos

Na verdade, os cactos são plantas de exteriores, mas podem viver em interiores sem qualquer problema, se adaptam com facilidade.

São muito resistentes, precisam de pouca água. No entanto, no inverno podem precisar de mais água: o ambiente pode ficar mais seco devido ao uso de aquecedores.

cacto como planta de interior
Cacto / i.pinimg.com

É recomendável fazer furos no fundo do vaso para facilitar a drenagem. Encontramos duas variedades: o cacto do deserto e o cacto tropical. Em ambos os tipos florescem belas flores que nos deixam apaixonados.

  • Costela-de-Adão

Precisa de rega e luz moderadas. Embora suporte muito bem ambientes secos, é bom pulverizá-la com água com relativa frequência. É muito decorativa.

Outras plantas de interiores: as suculentas 

Em geral, se destacam por terem folhas muito carnudas, nas quais a água é armazenada (também no caule). A maioria precisa de exposição direta ao sol.

Algumas das mais conhecidas são as seguintes:

  • Aloe vera

Destaca-se porque dificilmente necessita de cuidados e por suas propriedades medicinais. Não devemos expô-la a ambientes frios ou muito úmidos. Lembre-se: a aloe vera pode passar temporadas medianamente longas sem ser regada.

Você tem que ter cuidado com os espinhos que saem dos lados das folhas.

  • Sansevieria (também conhecida como espada-de-são-jorge)

É muito resistente, necessita apenas de atenção. Como resultado, adapta-se facilmente às características do ambiente. Precisa de pouca luz e pouca água.

espada-de-são-jorge
Espada-de-são-jorge / i.pinimg.com
  • Echeveria

A echeveria geralmente tem um tamanho pequeno. As suas folhas formam uma roseta apertada. Não aguenta muito bem o excesso de umidade.

Algo muito importante e curioso: tem muita tolerância à poluição.

Portanto, decore a sua casa com plantas e a preencha de cor. Além disso, como já dissemos anteriormente, elas contribuem para o nosso bem-estar.