5 dicas para evitar incêndios em casa

29 Setembro, 2020
A prevenção de incêndios em casa está em nossas mãos. É necessário ter cuidado com os nossos hábitos e tentar evitar os perigos.

As nossas casas realmente estão bem protegidas? O fogo é uma séria ameaça que pode surgir por algum descuido, a qualquer momento; por isso, é importante ter em mente essas 5 dicas para evitar incêndios em casa.

Talvez não nos demos conta dos perigos potenciais que rondam as nossas casas. Muitas vezes, pequenas imprudências geram sérios danos aos interiores. Por isso, é importante considerar a ideia de nos proteger e de usar a prevenção como a principal arma para evitar os acidentes domésticos.

Dicas para evitar incêndios em casa

dicas para evitar incêndios em casa

1. Não deixar os aparelhos conectados

Geralmente deixamos diversos dispositivos conectados à tomada. Esse é um sério perigo, pois qualquer sobrecarga pode causar um curto-circuito e provocar um incêndio. De fato, costumamos sair de casa pensando que nada vai acontecer.

A supervisão dos aparelhos conectados à eletricidade é absolutamente necessária. Essa é a única maneira de evitar acidentes graves; afinal, diante de um curto-circuito, se estivermos perto do dispositivo, teremos a capacidade de agir antes que haja um problema maior.

Por esse motivo, é importante nunca deixar nada conectado à eletricidade quando sairmos de casa ou formos tomar banho. Computadores, telefones celulares e alguns eletrodomésticos podem saturar o sistema elétrico e causar um incêndio.

 Para evitar curtos-circuitos, é melhor não deixar os aparelhos conectados durante muitas horas.

2. Usar detectores de fumaça

dicas para evitar incêndios em casa

Os sistemas de incêndio são realmente úteis para a prevenção de acidentes. Atualmente, existem muitas empresas dedicadas à instalação de detectores de fumaça; no entanto, como eles podem nos ajudar? 

  1. São dispositivos inteligentes que detectam a fumaça e produzem um som para nos alertar sobre um possível perigo.
  2. Por outro lado, esse detector emite um sinal para outros dispositivos que borrifam água instantaneamente a fim de eliminar as chamas. Portanto, há uma conexão de artefatos que permite a proteção total da casa.
  3. Se passarmos muito tempo longe de casa e não pudermos manter um controle diário sobre os interiores, esses aparelhos nos fornecerão a segurança que tanto desejamos.

3. Um extintor de incêndio sempre à mão

Os edifícios públicos são regidos por regulamentos que exigem a presença de extintores de incêndio em diferentes espaços. Da mesma forma, podemos ter dois extintores em casa para evitar incêndios.

Eles devem estar localizados nos espaços onde passamos a maior parte do tempo e onde há maior risco de incêndio: a sala e a cozinha. Além disso, é nesses dois locais que a eletricidade é mais utilizada e onde um incêndio pode começar com maior facilidade.

Não é necessário que eles estejam visíveis, pois iriam romper com a estética da casa. Na verdade, eles podem ser colocados dentro de um armário, escondidos em um canto ou ao lado de um móvel. Assim, a nossa casa ficará mais segura.

4. Desligar os filtros de linha para evitar incêndios em casa

dicas para evitar incêndios em casa

Geralmente costumamos usar os filtros de linha para conectar diferentes dispositivos eletrônicos. Isso pode levar à saturação da eletricidade e causar um curto-circuito.

Nos últimos anos, foi registrado um grande número de incêndios causados ​​pelos filtros de linha. Por isso, é importante desligá-los sempre que não estiverem sendo usados. Da mesma forma, não deveríamos usar todos os plugues continuamente.

A maioria dos incêndios em casa é causada por sistemas elétricos.

5. Proteger bem os braseiros e lareiras

Os sistemas de aquecimento atuais nos ajudam a evitar incêndios; no entanto, ainda existem casas antigas onde é necessário ter um braseiro ou lareiras, de modo que ainda são usados os modelos ​​elétricos ou a carvão.

As toalhas de mesa podem pegar fogo simplesmente por estarem próximas ao braseiro; a propagação do fogo pelo espaço ocorreria rapidamente.

Atualmente, são fabricados braseiros anti-incêndio com um sistema de proteção na superfície que impede que o fogo se espalhe em tecidos. Portanto, os modelos a carvão já estão obsoletos e é hora de aposentá-los.

 

  • AA. VV.: Vivir seguro: consejos para convertir tu casa en un hogar seguro, Barcelona, CEAC, 2007.
  • Asociación Profesional de Técnicos de Bomberos (APTB). ESTUDIO DE VÍCTIMAS DE INCENDIOS EN ESPAÑA EN 2017.  https://www.aptb.org/images/Estudio_Victimas_de_incendios_en_Espana_en_2017-ilovepdf-compressed_1-ilovepdf-compressed.pdf