Recursos de argila para decorar a casa

Para estabelecer um contexto tradicional, precisamos de recursos que combinem a originalidade com o trabalho manual. Desta forma, é oferecida uma imagem distintiva que nos remete ao mundo rural e ao artesanato.

Última atualização: 26 Janeiro, 2021

Ao escolher os enfeites para proporcionar um toque diferenciado e mais sofisticado, devemos levar em consideração os recursos de argila para decorar a casa. A variedade é bastante ampla se nos concentrarmos na forma, design e função.

Este material tem sido utilizado ao longo da história no mundo do artesanato. Muitos artistas se especializaram neste tipo de trabalho e contribuíram, por sua vez, para o design de interiores, fazendo peças de grande interesse por causa da sua definição estética.

Geralmente, relacionam-se perfeitamente com o todo; além disso, podem ser acompanhados por flores e outros elementos para criar uma cenografia e oferecer uma imagem mais interessante.

Por que escolher os recursos de argila?

Imagem: lovahomy.com

Se quisermos dar à nossa casa um caráter alternativo e rústico, a argila é o material ideal. Com ela, podem ser feitos todos os tipos de objetos: vasos, tigelas, cinzeiros, bandejas, figuras, etc.

Porém, surge a seguinte questão: qual é a diferença que pode ser encontrada em relação a outros recursos? Sem dúvida, a maior particularidade é a maleabilidade oferecida. É fácil de moldar para obter o formato desejado, de forma simples e prática.

No fundo, a imaginação desempenha um papel muito importante. Podemos criar os nossos próprios designs se soubermos como trabalhá-la; no entanto, é bastante comum encontrar feiras de artesanato onde esse tipo de produto pode ser comprado.

Uma forma diferente de decorar a casa.

Recursos de argila mais comuns para a casa

A escolha dos recursos dependerá de critérios pessoais. De acordo com o estilo presente na casa, assim serão os parâmetros que devemos seguir. Nesse sentido, a coerência interna deve ficar perfeitamente estabelecida. Veremos os 4 tipos mais comuns:

  1. Os jarros de flores são os mais recorrentes. Eles servem como recipientes, mas não passam despercebidos. Podem ter um caráter mais vistoso ou definir uma aparência mais refinada de acordo com o tipo de estética que quisermos.
  2. Os cinzeiros ficam presentes na mesa de centro da sala. É lá onde recebemos os convidados e gostamos de relaxar. Geralmente contêm desenhos do lado externo ou têm formas realmente curiosas que, no final das contas, chamam a atenção.
  3. Outro exemplo muito particular são as bandejas utilizadas principalmente na cozinha. Como regra geral, a parte central interna é lisa, enquanto as bordas e alças possuem uma decoração com um tratamento mais marcante.
  4. Os vasos são, sem dúvida, o suporte mais útil para as plantas. Podem ser encontrados com a parte externa totalmente lisa, onde podemos trabalhar a decoração; mas, se preferirmos, também existe a possibilidade de aplicar designs e desenhos que acrescentem um colorido.

A argila natural: simplicidade e elegância

Imagem: insmatcaldes.com

Geralmente encontramos a argila trabalhada de diferentes maneiras para oferecer um toque distintivo. Por outro lado, temos a opção de deixar o material ao natural; ou seja, sem qualquer tipo de adição.

A vitrificação é uma técnica comum neste material. Assim se reflete, por exemplo, na cerâmica granadina. Porém, também, existe a opção de não aplicar nada e deixar a argila visível com a sua cor castanha que, com o passar do tempo, vai escurecendo.

Está sendo cada vez mais praticado o uso de materiais ao natural; ou seja, sem adicionar cores ou desenhos.

A argila de polímero, outra forma de decorar

Imagem: pinterest.es

Uma das variações da argila é a chamada “argila de polímero” também conhecida no Brasil como cerâmica plástica. Sua produção ocorre através da combinação de farinha de milho, bicarbonato e água. Na internet podemos encontrar muitas outras receitas caseiras. O resultado é obtido a partir da mistura desses ingredientes e por meio de um processo de cozimento em fogo baixo.

A pasta resultante é elástica e moldável, podendo ser transformada conforme desejado. Além disso, também podemos aplicar cores específicas usando corante alimentício.

Essa técnica é muito interessante para ser trabalhada pelos pequenos da casa. Esta não deixa de ser uma fórmula que incentiva a criatividade.

Recursos de argila e estilo rústico

Conforme explicado até agora, os diferentes recursos de argila se tornam uma boa aposta. De qualquer forma, é no estilo rústico que eles mais se encaixam. O ambiente campestre e rural é o melhor contexto para esta decoração.

Enquanto contemplamos essas peças, é inevitável pensar no mundo dos oleiros e dos camponeses, que utilizavam esses objetos como os principais recipientes para os alimentos e para a ornamentação das casas.

Imagem principal: pinterest.es

Pode interessar a você...
Mi DecoraciónLeerlo en Mi Decoración
Detalhes em cerâmica para embelezar a sua casa

A cerâmica é um material que promete tornar a nossa vida mais fácil e bonita. Que tal descobrir algumas ideias para usá-la na decoração?

 



  • Bona, Alessandra; Stello, Viviana: Crear con arcilla, Vecchi, 2020.