Qual é o melhor material para bancadas de cozinha?

09 Dezembro, 2018
Saiba qual é o melhor material para as bancadas de cozinha.

É importante escolher corretamente o material para bancadas de cozinha. Isso porque trata-se de uma superfície que está exposta ao uso contínuo, além de cortes, impactos e altas temperaturas. Uma escolha incorreta fará com que a bancada da cozinha tenha um aspecto envelhecido e sujo pouco tempo depois de instalá-la.

Para que isso não aconteça com você, a seguir vamos lhe mostrar quais são os materiais mais utilizados na fabricação de bancadas, as vantagens e desvantagens de cada um, assim como seus detalhes. A escolha de uma bancada adequada fará a diferença na sua cozinha. Siga lendo e escolha o material para bancadas de cozinha que mais lhe agradar.

Do que depende a escolha do material?

Como você verá a seguir, não há somente um material que seja o mais correto para a fabricação da bancada. A escolhe de um ou outro depende de vários fatores. Com base nesses fatores, você poderá fazer a escolha correta.

bancada para cozinha granito

  • Frequência de uso. A primeira coisa a levar em conta é o uso que você faz da cozinha. Ou seja, a frequência com que você a utiliza. Com base nisso, você deverá optar por um material mais ou menos resistente. Por exemplo uma cozinha tipo industrial fabricada em aço inoxidável será sempre a opção mais duradoura. Por outro lado, será um desperdício absurdo de dinheiro se não vamos utilizá-la várias vezes, todos os dias, e nem cozinhar para muitas pessoas.
  • Estética da cozinha. Não podemos esquecer de que o material escolhido tem que estar de acordo com a estética da cozinha. Lembre-se de escolher cores que sigam a paleta utilizada na sua decoração. Assim, você não quebrará a harmonia do cômodo.

Material para bancadas de cozinha:

Granito

As bancadas de granito são umas das mais populares ao redor do mundo. Não por coincidência, e sim porque a sua relação custo-benefício é altíssimo, e contam com uma grande durabilidade.

Sem nenhum tipo de manutenção, esse tipo de bancadas ficará intacto ano após ano, e você não terá que se preocupar em não colocar em cima delas objetos muito quentes ou úmidos.

Talvez a sua principal desvantagem seja que o catálogo de cores não é muito amplo, tal como acontece com outros materiais. Além disso, é preciso levar em conta que esse tipo de bancadas não pode ser limpo com qualquer produto, porque podem ficar danificadas.

Madeira

As cozinhas de madeira são uma das opções mais estéticas. Além disso, trazem aconchego à casa, uma característica que nem todas as cozinhas têm. A grande vantagem das cozinhas de madeira é a sua durabilidade. Em geral, elas são fabricadas em madeiras fortes e robustas, que resistem a impactos e altas temperaturas.

bancada para cozinha de madeira

Passados alguns anos, você deverá aplicar uma demão de verniz ou cobertura similar para que a madeira continue protegida e você possa utilizá-la por muitos anos.

Sobre as desvantagens das cozinhas de madeira, a maior de todas é que você deverá ter cuidado com a umidade. Se ela ficar exposta por muito tempo à umidade, apresentará uma cor diferente, além de outros problemas.

Aço inoxidável

Se você busca uma cozinha resistente que, com o passar do tempo, esteja igual ao primeiro dia, as bancadas de aço inoxidável são a sua melhor opção. Com certeza elas não são as mais estéticas, já que alguns modelos lembram as cozinhas de restaurantes, bares ou escolas. Mas se você cozinha muito e sua família é grande, leve em conta essa opção. Os seus designs estão cada vez mais estéticos. Por isso, atualmente, cada vez menos elas são parecidas com as cozinhas industriais.

Porcelânica

Outro material para bancadas de cozinha é a porcelânica, uma novidade no mercado. Esse material surgiu há poucos anos em uma gama de cores muito limitada e, pouco a pouco, garantiu o seu espaço em muitas casas, por conta das suas vantagens.

bancada para cozinha porcelânica

As bancadas de porcelânica são resistentes e bonitas, duas características que geralmente não andam lado a lado. Apesar de ter uma espessura muito pequena, suportam perfeitamente altas temperaturas, arranhões e impactos.

A sua principal e única desvantagem é o preço. É preciso levar em conta que a porcelana é um material bem caro e que, nesse caso, foi submetido a vários processos para melhorar a sua resistência e durabilidade. É por isso que o metro linear dessas bancadas gira em torno de 300 euros.

Agora você já conhece os principais tipos de material para bancadas de cozinha. Você também já sabe quais aspectos devem ser levados em conta para escolher entre um e outro. Mão à obra! Você está pronto para tomar uma decisão e renovar a sua cozinha.