Estilo rústico: o charme da simplicidade

07 Outubro, 2020
Que tal visualizar por um momento as casas rurais de antigamente? Você gostaria de adaptar os seus interiores à sua casa atual? Com essas ideias, isso será possível.

O estilo rústico evoca simplicidade, tradição e naturalidade; sem dúvida, é assim que esses ambientes podem ser perfeitamente definidos. Inspirado nas antigas casas de campo, esse estilo consegue fazer o tempo parar com funcionalidade e frescor.

Ele deve permanecer fiel às suas origens, por isso, é preferível aplicá-lo em espaços onde já exista uma base rústica; por exemplo, em casas antigas que estejam em contato com a natureza.

Estilo rústico: os materiais e os móveis

A importância dos materiais

Estilo rústico

Decoração do banheiro / elcosmonauta.es

O contexto arquitetônico tem uma grande influência nos ambientes rústicos. As técnicas de construção e os elementos estruturais tradicionais permanecem intactos para se transformarem nos elementos ativos da decoração.

As vigas de madeira, as paredes de pedra e as lareiras se tornam, desta forma, imagens emblemáticas que caracterizam esse estilo à primeira vista.

As peças de barro cozido são o revestimento favorito para os pavimentos. As peças de elaboração manual são ideais para destacar o caráter artesanal do ambiente.

Além disso, também são muito comuns os pisos de madeira e de pedra. A pedra aparece na forma de seixos. Arenito, ardósia e mármore envelhecido também darão uma aparência muito natural.

As madeiras mais utilizadas são o carvalho, o castanho e o nogal. Como são bastante escuras, é aconselhável combiná-las com madeiras mais claras, como o pinho, faia e maple, dando assim maior luminosidade ao ambiente.

Móveis com sabor campestre

cama com dossel

Imagem: pinterest.es

O mobiliário rústico é austero, prático e muito resistente. É basicamente composto por móveis de madeira simples recuperados, herdados ou comprados em antiquários.

Além disso, podem ser móveis novos submetidos a um processo de envelhecimento para que tenham a aparência rústica tão exigida nesse estilo. No entanto, no começo, experimente envelhecer peças pequenas.

Você deve ter em mente que as peças principais são os velhos móveis de antigamente, feitos por meio de técnicas artesanais, como os bancos, baús e aparadores. Não se esqueça das poltronas, escrivaninhas, cadeiras de balanço e camas com dossel.

As cadeiras de madeira com assento de vime e palha também são muito características deste estilo. Tente colocá-las individualmente ou em torno de uma mesa; elas ficarão ótimas.

Os móveis geralmente mantêm a cor natural da madeira, alguns deles com acabamento em cera. E, se você quiser lhes dar um toque de originalidade, poderá aplicar a decapagem em cores claras.

Estilo rústico: elementos decorativos

Elementos decorativos

O rústico é um estilo sóbrio que precisa de materiais naturais e quentes. Portanto, fuja dos cromados e do plástico; para os elementos decorativos, seus dois materiais preferenciais serão a madeira e o ferro forjado.

Tenha em mente que o ferro forjado é usado em cabeceiras e acessórios diversos: puxadores, corrimãos, maçanetas…  Além disso, ele também aparece na forma de barras, argolas e candelabros.

Dê uma nova chance a todos os tipos de pertences e objetos do passado, como os jarros, fornos e fogões a lenha. Você não se arrependerá, pois eles darão um ar aconchegante ao ambiente.

Além disso, a cozinha é o local onde você pode ter uma infinidade de acessórios, como as panelas de cobre, bules, tigelas de barro, panelas de porcelana… Estes itens ainda são muito úteis e, ao mesmo tempo, decorativos.

Resgate também as antigas ferramentas agrícolas, como as rodas de carro, forquilhas e jugos; eles ficarão ótimos como objetos decorativos nos cantos mais inesperados da casa.

Por outro lado, também é uma boa ideia encontrar uma nova utilidade para eles: os jarros se transformam em vasos; os bancos de ordenha em assentos auxiliares e as trilhadeiras antigas em mesas de centro.

Para estofados, cortinas e almofadas, use tecidos naturais como algodão, linho e lã, por exemplo. Estes tecidos darão uma aparência muito aconchegante aos seus cômodos.

Estilo rústico, o toque final

Estilo rústico

Evite espaços saturados; os móveis rústicos geralmente são grandes e com forte personalidade; por isso, é melhor dispor poucas peças bem escolhidas para não sobrecarregar o espaço.

Além disso, é preferível não encher o ambiente de elementos tradicionais para não criar um ar artificial. A melhor maneira de evitar que isso aconteça é introduzir alguns detalhes decorativos ou móveis atuais.

Não se esqueça das cores: a gama de cores do estilo rústico evoca tons terrosos, acobreados e castanhos. Todos estes são tons quentes e delicados, para construir uma atmosfera de tranquilidade.

Se você deseja dar à casa uma aparência antiga e desgastada, aplique uma pátina. Algumas das mais utilizadas são o drapeado, a aguada e o manchado.

Para o toque final, coloque vasos de porcelana branca com flores silvestres ou vasos com plantas aromáticas sobre as suas mesas e aparadores; eles trarão frescor.

Você gostou das nossas ideias? Adoraríamos saber a sua opinião.