5 recursos para obter mais privacidade em casa

17 Outubro, 2020
Todos nós precisamos da nossa dose de intimidade; por isso, é conveniente aplicar recursos em casa que, além de decorar, também forneçam privacidade.

É possível obter privacidade na nossa casa de diferentes maneiras. No entanto, isso não significa que devemos buscar um isolamento completo; por esse motivo, vamos conhecer 5 recursos para obter mais privacidade em casa.

A primeira coisa a considerar é a situação atual do nosso espaço vital, tanto nos interiores quanto nos exteriores. Embora sejamos seres sociáveis, também precisamos de nosso recinto pessoal privado.

A conexão com o mundo ao nosso redor geralmente é constante. Normalmente temos uma vida muito ativa na rua e nos relacionamos constantemente com outras pessoas; no entanto, precisamos encarecidamente que a nossa casa seja um local privado e reservado.

1. Privacidade em casa: cerca-viva como proteção

recursos para obter mais privacidade em casa

O jardim é o local mais próximo da rua. Portanto, é considerado mais suscetível a ficar ao alcance dos curiosos. A ideia é suprimir a visão dos interiores tanto quanto possível.

Para atingir esse objetivo, conheceremos a função da cerca-viva. Ela contém uma folhagem perene que se mantém ao longo do ano. Na hora de escolher, as espécies como a photinia e a laurier palme são as mais adequadas. Por sua vez, podemos reforçá-las por meio do uso de arbustos.

Aparentemente, o mais conveniente é que elas sejam plantas densas que se tornem uma proteção, podendo atingir quase 2 metros de altura. Além disso, elas são fáceis de podar usando um aparador de cerca-viva de alta qualidade.

O objetivo é sentirmos que existe uma divisão nos separando de tudo o que acontece fora da nossa casa.

2. Cercas para obter mais privacidade em casa

Além da cerca-viva, também podemos usar outros tipos de cercas para delimitar o perímetro do jardim. Elas são muito comuns em chalés e condomínios. Existem opções mais ou menos opacas, dependendo das nossas necessidades, e com aproximadamente 2 metros de altura.

Um caso particular é o modelo de cerca feito de madeira e metal que possui fendas horizontais que permitem vislumbrar uma leve conexão com os interiores. No entanto, há também a categoria de cercas compactas que produzem um fechamento absoluto.

3. Cortinas e persianas para cobrir as janelas

recursos para obter mais privacidade em casa

Uma vez que estamos dentro de casa, sentimos que estamos em um local privado; no entanto, precisamos alcançar um certo grau de privacidade sempre que quisermos. Por isso, falaremos sobre três tipos de cortinas:

  1. Por um lado, existem as cortinas de tecido. Se forem bem densas, poderemos ocultar mais e obter bastante escuridão; enquanto isso, se optarmos por cortinas translúcidas, ganharemos luz e não será possível nos observar do lado de fora.
  2. Por outro lado, existem as persianas. Elas podem ser verticais ou horizontais e permitem regular o tipo de abertura e ajustar a entrada de luz. Há modelos tanto de metal quanto de tecido.
  3. Finalmente, devemos destacar os estores como outra possibilidade barata e funcional. Eles são muito fáceis de instalar, geralmente favorecem a entrada da luz e evitam a visão do lado de fora.

4. Como obter privacidade em um loft?

Geralmente, um loft se caracteriza por ser diáfano, aberto e espaçoso. Isso significa que serão unificadas diferentes dependências no mesmo local: sala, cozinha, entrada e quarto. Então, como poderemos obter alguma privacidade?

Nesse caso, a sala de estar e a cozinha devem se tornar o espaço comum visível para todos; portanto, é no quarto que devemos nos concentrar, fazendo uso de biombos ou divisórias de madeira e de vidro com uma certa altura.

Dessa forma, não fecharemos completamente o espaço, mas aplicaremos um componente de privacidade que até mesmo contribuirá para a decoração.

5. Obter mais privacidade em casa separando a sala de estar e a de jantar

Divisão de ambientes

Ao conviver com outras pessoas em uma casa, sejam elas parentes ou colegas de quarto, é interessante que existam separações nos cômodos que forem espaçosos, como pode ser o caso, por exemplo, da sala de estar.

Um caso particular é a divisão entre a sala de jantar e a área de estar com os sofás. Podemos usar uma cristaleira, algumas prateleiras ou, se quisermos, uma porta sanfonada.

O objetivo é que haja uma separação, mas sem perder a continuidade e a essência do local; dessa maneira, ganharíamos mais privacidade em casa.

 

  • Gilliatt, Mary: El libro de la decoración, Folio, 1986.
  • Margolius, Marcia: Espacios para vivir, Ceac, 2006.